sábado, 21 de agosto de 2010

Novos Horizontes (Engenheiros do Hawaii)



Corpos em movimento
Universo em expansão
O apartamento que era tão pequeno
Não acaba mais
Vamos dar um tempo
Não sei quem deu a sugestão
Aquele sentimento que era passageiro
Não acaba mais
Quero explodir as grades
E voar
Não tenho pra onde ir
Mas não quero ficar

Novos horizontes
Se não for isso, o que será?
Quem constrói a ponte
Não conhece o lado de lá
Quero explodir as grades
E voar
Não tenho pra onde ir
Mas não quero ficar
Suspender a queda livre
Libertar
O que não tem fim sempre acaba assim

A POESIA QUE ME CONTEM. ENGENHEIROS DO HAWAII NÃO É SÓ MUSICA É POESIA, É ARTE E MAESTRIA DE HUMBERTO GESSINGUER.