segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

CHINESE DEMOCRACY

Nada comparado a APPETITE FOR DESTRUCTION ou USE YOUR ILLUSION I e II, mas é um disco que carrega a voz e a ousadia compositora de Axl Rose dos GNR dos anos 80 e 90. Algumas músicas pendem para o lado do pop rock moderno e melodramatico. É muito dificil fugir disso, falo desse rock meloso que toma conta do mundo. O bom disso tudo é que ainda é possivel ouvir coisa boa e atual e CHINESE DEMOCRACY é um bom trabalho dessa nova fase dos GUNS N' ROSES de Axl Rose mostrando seu lado meloso.

O tempo que temos


E se ela quiser falar alguma coisa que fale, meu silêncio será ainda maior.
As coisas ainda não foram realmente esclarecidas, existem dúvidas e medos.
Nada foi restabelecido entre a gente, temos ainda o urgir do sol entre as montanhas
E o feitiço das águas cristalinas que banhavam teu corpo insultuosamente no fim de tarde
Não temos mais nada a perder o sol já se põe e a noite já se coloca em seu lugar.

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

Palavras certeiras






A maior solidão é a do ser que não ama.
A maior solidão é a dor do ser que se
ausenta, que se defende, que se fecha,
que se recusa a participar da vida humana.

A maior solidão é a do homem encerrado
em si mesmo, no absoluto de si mesmo,
o que não dá a quem pede o que ele
pode dar de amor, de amizade, de socorro.

O maior solitário é o que tem medo de
amar, o que tem medo de ferir e ferir-se,
o ser casto da mulher, do amigo, do
 povo, do mundo. Esse queima como uma
lâmpada triste, cujo reflexo entristece
também tudo em torno. Ele é a angústia
do mundo que o reflete. Ele é o que se
recusa às verdadeiras fontes de emoção,
as que são o patrimônio de todos, e,
encerrado em seu duro privilégio, semeia
pedras do alto de sua fria e desolada torre.