quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Teus versos



Entre teus versos e o vinho
teus versos
mesmo na sede insaciável.

Entre teus versos e as estrelas
teus versos
que iluminam meu sonhar taciturno.

Entre teus versos e as montanhas
teus versos
mesmo sendo montanha.

Entre teus versos e a estrada
teus versos
que me levam na longitude do teu caminhar.

Entre teus versos e o silêncio
ainda assim teus versos
que me constrói em profundo pensar.

Entre teus versos e a infinitude
teus versos
que habitam a profundidade do meu ser.

Entre teus versos
minhas escolhas
Entre minhas escolhas
teus versos.